THEME BY ©
My secrets in metaphorical words.
« 8/30 »

chatterton, suicidou;

mau-humor-dos-diabos:

 

kurt cobain, suicidou;
getúlio vargas, suicidou;
nietzsche, enloqueceu;
e eu não vou nada bem.
não vou nada bem.


Queria que a vida me levasse a vida
Com um sopro inesperado
Ao invés de encher meus pulmões
Com ares vazios, suspiros vazios

Queria teu corpo junto ao meu
Sangrando o suor de um amor
Ao invés da tua pena
Que escreve em minha carne:
Eu não te amo mais.

Queria teu amor sendo ódio
Te enlouquecendo da cabeça aos pés
Me desejando e me afastando
Ao invés do teu falso carinho
Que não se importa com a minha ausência. 


1 year ago 0 notes + reblog

Quero teus olhos em chamas
Como as brasas de uma fogueira
Sangrando cicatrizes incolores
Queimando tuas mais profundas dores
Descascando tuas roupas
Descascando-te a pele
Escurecendo teus mais belos traços
Enegrecendo teu rosto profundo
Tornando-te um carvão negro
Virando cinzas
Caindo-te aos próprios pés
E sendo levada pela mais calma brisa
Livrando-me as veias
Dessa intoxicação cancerígena. 


1 year ago 0 notes + reblog

Minha estrutura desaba ao encontro comigo mesmo
E foi sempre assim
Desde que conheci todos aqueles…
Que se deixaram partir

A solidão me abraça forte
Me causando rachaduras
E não resisto
Vou quebrando aos poucos
Até ficar totalmente em pedaços ao chão

Quando penso que vou conseguir me reestruturar
Comigo apenas
Ela aparece
Me faz companhia
Conforta
E volta a me abraçar.


1 year ago 0 notes + reblog
"I’m so sick of goodbyes."
- Sparklehorse

Eu deitarei
E sonharei contigo
Esperarei minha circulação acalmar meu coração
E  nessa vida, pra sempre,
Descansarei em paz.


1 year ago 0 notes + reblog
"Não é o sol do verão que vai mudar esse mau tempo."
- Picassos Falsos. 

1 year ago 0 notes + reblog
"Tudo muda, menos minha alma, gritante."
-

1 year ago 0 notes + reblog
"Sou só mais um saco vazio sendo levado pelo vento."
-  

1 year ago 0 notes + reblog
"

Tu és como a fumaça, que dança docemente no ar e deve ser apreciada de longe, pois, dentro de mim, faz mal.

"